Página em permanente construção*

Para realizar grandes sonhos necessitamos[[[ Grandes sonhos! [Hans Seyle]

Aperfeiçoando-nos construímos 1 ümelhor

 

Petição inicial de pedido realmente cautelar proposto pelo “adevogadu mano”

                    

 

 

 

 

ESSELENTÍCIMO MANO RESPONSÁVEL DA JUSTIÇA AQUI DA ÁREA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                   Eu, Vandergleisson Olímpio dos Santos

                   Pode ser mano Vander nas intimação (é como meus truta me chama, tá ligado?), se fazendo representar pelo meu chegado, Dr. Mano Clayton, adêva dos bom e estelionatário da hora, venho perante Vossa Magnitude interpor

 

 

                   CAUTELAR INOMINADA c/c PEDIDO ELIMINAR

                   Contra a polícia que invadiu o Bingo.   Certo?

 

 

                   DO MÉRITO

                   Bom, caso que o poblema é dois, perfeito? Eu se encontrava divertindo-me no Bingo do Bolacha. Tava alí bem belo, faceiro, quando derrepente entra os gambé tudo armado, e aí magnata...aí a casa caiu.

 

                   Maluco, tinha que vê! Não quiseram nem levá um léro. Reçalta-se que até tentei puchá uma conversa, na humildade, mas nada. Aí engrossaram e eu falei: "não embassa, doido! Não tá vendo que eu tô aqui me divertindo, mano? Cês entram como querem na bagaça, sem bater, e zoa com o barato todo aí, dos meu?"

 

                   Mas não adiantou nada. Chegaram passando geral, levaram tudo.

 

                   Foi as máquina de fliper, foi caça-níkeu, e o pior: foi tudo as cautela!!!!

 

 

                   E é aí queu chego nos finalmente. Só entrei com esta ação cautelar, por um motivo: eu quero minha cautela de vorta!

 

 

                   Ah, fala sério! Manos vacilão, pá e tal. Faz 12 ano que eu jogo no Bingo do Bolacha e nunca ganhei nem caneta de vale brinde. Aí no dia queu fécho os baguio alí, grito BINGOOO, entra os gambé e passa geral! Cumé qui é, mano. Cadê a justiça? Foi eu que comprei a cautela. E agora?

 

 

                   Tá certo queu meio que se exaltei um pouco umas hora lá e disse pros home: "aí, mano, aqui tem pra trocá", "sai quicando que o barato é meu, maluco!" É, tentei me impor e só levei uns tapaço de mão aberta.

Mas isso não é motivo pra levá meu jogo (e premiado!).

 

                   DOS PEDIDO

                   Assim, dessa forma e posto isso, só venho pedir de vorta minha cautela premiada qué preu buscá o prêmio lá co Bolacha. Pô, na miúda, só entre a gente, magnata: adianta o lado aí, sem ouví os gambé (esnaudita autera partys). É porque se ficá embassando muito, o Bolacha é capaz de fugir com a minha grana e sabe cumé, como dizia um chegado meu, gente boa pra cacete (o mano Menudo, o Sr. conhece?), "camarão que dorme a onda leva".

 

                   Caso Vossa Meritríssima não queira acatar minha eliminar, se digne a bater um fio pro Lula, pra que ele devorva a grana queu gastei na cautela, corrigido e em ficha de fliper. No Space Invaders, de preferência.

Certo? Então era isso.

 

                   Esperando que entenda meus lado,

                   Pede deferimento.

                   p.p. Dr. Mano Clayton,

                   OAB 1.115.717,

                   CREA 489.548,

                   CRM 225.469.

Diproma do Adevogadu autor desta verdadeira ação cautelar

 

 

 

 

 

 

DILÇIONÁRIO JIURÍDICÚ DO SEU CREYSSON

 

ARRESTO: Arréstio é um pôquinho di comidia que sóbria pra jântia ou pra malmítia.

 

LIMINAR: É quândio um bandídio da comunidade manda liminar ôtro cara di que ele não gostia.

 

AGRAVO: É muitio simpres, é o mêrmo qui amemorizo ou adecoro.

 

APENSO: Essa é fáciu. Apensio, por isso sô inteligenti.

 

HABEAS CORPUS: Si fô sem conssentimentio, é istrupo.

 

INTIMAÇÃO: Intimassão é o momentiu di intimidadi di um cazau.

 

PREGÃO: É a mais óbivia. É um préguio muitio grandi.

 

ARROLAMENTO:  Arrolhamentio pódi sê 2 coisa: O atio de botiar a rolia na garrafa ou di rolá uma coisa mutio pesádia.

 

PENSÃO ALIMENTÍCIA: Na penção alimentiça pódesse cumê muitias coisa... depêndi di qual é o prátio du dia.

 

CARTÓRIO: É o mermu qui supusitório, só qui di cartião.

 

ACÓRDÃO:  Éssa é ridícola. É o qui tôdus fasem dimanhãnzinha.

 

FÓRUM: É o passadio do verbo fumu. Por exemprio: Eles fórum mais num voltiarum.

 

COMISSÁRIO: É quem vivi di comição: Exemprio: garsson e franelinha.

Para voltar a página Alma Alegre clique  aqui

Azar em esportes radicais vídeo com 4,3Mb clique  aqui

 

Sucesso é habilidade de ir de 
...fracasso em fracasso
...sem perder o entusiasmo.
 
Alma Alegre é... cultivar BOM HUMOR 
- nossos objetivos ficam menos distantes.
Sorrindo para a vida. Ela retribui...
_____________________________________________________
 
Alma Alegre não veicula humor machista
Para quem gosta de humor machista, acaba de ser criado um grupo especial:
- Macho Alegre diverte-se com o feminismo -

Macho Alegre ri do feminismo clique aqui

 

  Para receber atualizações desta página clique aqui

Ou envie e-mail para assinar-anedotario@grupos.com.br

 

Histórica Faculdade de Direito da UFRGS e sua importância clique aqui ó

Orientação aos alunos + Programa das Disciplinas clique aqui ó

Juristas completos:  Exemplo de Clóvis Veríssimo do Couto e Silva  clique aqui û

História do IBDP Instituto Brasileiro de Direito Processual no Rio Grande do Sul     clique aqui q

* * *

Conheça nossas páginas, e os variados enfoques da Sabedoria:

è Sabedoria aplicada à elaboração das decisões judiciais clique aqui &

è Sabedoria no Princípio Universal da Evolução clique aqui ó

è Sabedoria na Ética à clique aqui F J

è Sabedoria na fusão do espiritual + material clique aqui ÿ

è Sabedoria em sermos Mestres e Discípulos uns dos outros clique aqui ó

è Sabedoria no reencontro do Místico e Ciência clique aqui ÿ

è Sabedoria no caminho da perfeição na simplicidade Shibumi  clique aqui ÿ   

è Sabedoria na evolução cultural clique aqui þ

è Sabedoria no uso da Linguagem, instrumento do Jurista clique aqui ó

è Sabedoria no Princípio da Dualidade os opostos complementares clique aqui  

História do Futebol e Idolatria no desporto clique aqui ó

Novo ramo o Direito Desportivo clique aqui ó

Ligações entre místico e desportivo clique aqui ó

Filosofia e prática das Artes Marciais clique aqui C

Meditar e perguntar clique aqui ó  Aprenda mais e melhor clique aqui ó

Viver mais e melhor com saúde e bom humor clique aqui ƒ

Lutando pela dignidade na Advocacia Pública clique aqui

Desenvolvimento Místico clique aqui ó  Apometria clique aqui è

Grupo Espiritualista Casa de João Pedro clique aquiÿ

 

Centenas de Teses Jurídicas novidades toda semana clique aqui ó

És nosso visitante nº  *Aperfeiçoando para construir 1 Mundo Melhor este saite está em permanente construção no domínio próprio desde 14 de dezembro de 2003 quando, sem contar o extinto http://nossogrupo.abril.com.br e as do yahoo, nossas páginas informativas http://www.direito.ufrgs.br/pessoais/padillahttp://pessoal.portoweb.com.br/padilla; http://virtual.pt.fortunecity.com/virus/52; http://pessoal.osite.com.br/~padillaluiz; http://pessoal.mandic.com.br/~padillaluiz e as temáticas no Grupos.com.Br somavam 136.706.382 visitas.   Impressionante?  No primeiro semestre de 2005 nossos Grupos Temáticos ultrapassavam 50 BILHõES de visitas! Conheça-os clicando aqui ó

Contate o professor Luiz Roberto Nuñesos PADilla ó luizrobertonunesos@padilla.adv.br

Telefones código Internacional+55  Código Nacional+51(33.25.26.18+(2333.716.79(Fax+Vox)

Travessa São Jacó 39/305 CEP90520320 Porto Alegre RS Brasiló Veja Mapa clicando aqui þ

Apresentação e fotos do Professor Padilla clique aqui

Espanha, Origens &  família PADilla clique aqui ó