Página em permanente construção*

Para realizar grandes sonhos necessitamos[[[ Grandes sonhos! [Hans Seyle]

Aperfeiçoando-nos construímos 1 ümelhor

 

Kung-Fu-Tzu e a principal civilização humana

Constate no infográfico: Os milênios da civilização chinesa superam todas demais... A maior linha – a mais comprida e duradoura cultura da civilização humana:

Essa cultura só declinou quando seus governantes, ingênuos por milênios de ética na política chinesa, foram abatidos pelo mercantilismo selvagem.

O “descobrimento” do caminho marítimo para as Índias foi seguido de decepção:    Todo o ouro e prata das cortes da Europa eram insuficientes para encher os porões dos navios de uma única esquadra.  Como comprar dos chineses as sedas, especiarias, pólvora, papel, etc.?     Sem riquezas para oferecer em troca,  disseminaram o consumo de drogas.    Sem custo, na Birmânia, em meio ao caminho, enchiam os porões dos navios com papoula que, em procedimento fácil e barato, transformavam em ópio, o qual vendiam aos chineses a peso de ouro, permitindo encher os porões de navios com mercadorias e retornavam para a Europa...    Em algumas décadas, 1/3 da população chinesa estava viciada em ópio.     A droga é dantesca, torna o indivíduo imprestável, fora da realidade.    Vendida a peso de ouro, significa que esse 1/3 da população era justamente a camada mais rica e culta, destroçada.

Os povos asiáticos punem severamente o tráfico de drogas porque a maior cultura humana,  que durou quase 40 séculos resistindo a muitas invasões, foi destroçada em uma dúzia de anos pelas drogas,  ensejando a necessidade de uma revolução do proletariado de dolorosa profilaxia no Séc.XX preparando à China para reassumir o papel de principal nação do Mundo.    Um conselho ? Aprender  à língua do futuro: Mandarim, palavra de origem portuguesa para denominar o idioma falado “pelos que mandavam”. A escrita chinesa era uma só, ideográfica, mas havia cerca de 300 idiomas que, com os dialetos, somavam cerca de 1000 “línguas”. Mas o idioma dos líderes, alinguagem das comunicações oficiais, era e é o Mandarim. A principal base do desenvolvimento dessa cultura está na sabedoria do Kung-Fu-Tzu.

As grandes idéias jamais irrompem de súbito.  As que assentam sobre a verdade sempre têm precursores que vão preparando o caminho. Depois, alguém desponta, para sintetizar, coordenar e completar os elementos esparsos, reuni-los em corpo de doutrina. Desse modo, não surgindo bruscamente, ao aparecer, a idéia encontra espíritos dispostos a aceitá-la.   Mas Sócrates, e mais tarde Cristo, tiveram a morte dos criminosos,  vítimas do fanatismo porque atacaram as crenças e colocaram a virtude acima da hipocrisia e do simulacro das formas, combatendo os preconceitos.   Os fariseus acusavam Jesus de corromper o povo com ensinamentos como o de proclamar a unidade de Deus, a imortalidade da alma e o dogma da vida futura. Sócrates foi acusado pelos fariseus do seu tempo. Sempre houve “fariseus” em todas as épocas. Da doutrina de Jesus só sabemos pelo que escreveram seus discípulos. O mesmo acontece com Sócrates de cuja sabedoria temos conhecimento pelos escritos de Platão e por seu discípulo-neto Aristóteles, porque ambos entraram em conflito sucumbiram, remanescendo apenas suas idéias, porque verdadeiras.

Confúcio é latinização do verdadeiro nome do sábio, Kung-Fu-Tzu, que significa "venerável mestre kung".    Nasceu em Tsou, cidade no estado de Lu, hoje província de Shantung, e faleceu aos 72 anos em 479 a.C.     Aos 15 anos, era considerado erudito na arqueologia, história, liturgia e música, sendo exímio tocador de alaúde, e adepto dos esportes radicais da época: cavalgar, arco e flecha, caçar e pescar.

Diferente de seu quase contemporâneo Sócrates, e mais tarde de Jesus, que entraram em conflito com o status quo dominante,  Confúcio foi mais sábio,   ou teve sorte de encontrar o caminho preparado.  Temendo que seus ensinamentos se perdessem não beneficiando as futuras gerações,  desenvolveu um mecanismo para aplicar suas idéias na educação para uma sociedade justa,  e na filosofia baseada na ética e no humanismo: Ensino aberto a todos, sem diferenciação de origem social (fraternidade e igualdade !). As aulas eram a céu aberto e seu método considerava as aptidões da cada discípulo (dignidade da pessoa humana, valorização do indivíduo e livre arbítrio).

Na escola que fundou,  ensinou seu código de conduta aos futuros governantes. Moldou o modo de vida oriental, assegurando a reforma política baseada na moral e na ética, única maneira de instaurar a ordem e a justiça.   Esse código de conduta para quem exerce o poder, com regras e normas que originaram o confucionismo - misto de religião, código de ética, pitadas de ritual social e filosofia política - desenvolve uma de suas teorias mais importantes e ainda presentes na tradição política orientais:   "Um governo é feito de homens e não de leis."   A força de suas idéias influenciou os clássicos do iluminismo ocidental.  Confúcio passou quase a vida inteira lecionando,  disseminando a cultura e a educação fora dos círculos nobres e aristocráticos, que até então mantinham monopólio sobre o saber.

A essência do pensamento de Confúcio é o ren,  que pode ser traduzido como "benevolência" ou "humanismo". Aos discípulos respondia: "A principal virtude está em amar os homens".

O confucionismo é considerado um grupo de regras que tratam como viver no âmbito social, regras de comportamento em sociedade, de ética e de política. Segundo o confucionismo é possível viver em harmonia em qualquer lugar, desde que o acesso á educação seja garantido. Isso é ética. Aprofunde este enfoque clicando aqui ÿ ou no link sobre Ética, no quadro dos tipos de sabedorias ao final do texto.

Depois da morte os discípulos fundaram oito escolas confucianas empenhadas difundir o conhecimento, e as afirmações, diálogos e anedotas foram compilados no livro Analectos.        Em 213 a.C, o imperador ShiHuangdi - que construiu os famosos guerreiros de terracota - ordenou a incineração dos livros para impor subordinação á sua autoridade. Com a queda da dinastia Qin (221-207a.C), o confucionismo renasceu na poderosa dinastia Han (206 a.C-220 d.C) que levou as teorias confucionistas além das fronteiras, dentre outros, ao Vietnã, Coréia e Japão, que incorporaram a honra e lealdade nas relações sociais e familiares ao Budô e demais metafilosofias-Zen. Conheça mais sobre o Zen, Zazen e Seiza, clicando aqui ü

Ao assumir o governo em 1949 o Partido Comunista de Mao Tsé-Tung proibiu o confucionismo culpando sua tradição de impedir a “renovação da vida chinesa”. Pode ser imputado ao confucionismo a “culpa” de estabelecer, na China, um clima político tão impregnado de ética que seus governantes, no Séc.XIX, não souberam lidar com a hipocrisia e falta de ética na disseminação das drogas. Anos depois, voltaram atrás fazendo as pazes com a doutrina do maior pensador oriental, e talvez o mais importante da civilização. Jesus conheceu os essênios, e sua doutrina foi alimentada por princípios mais amplos. A idéia cristã foi pressentida séculos antes tendo por principais precursores Sócrates e Platão no Ocidente, e Confúcio no Oriente, quando as condições tecnológicas permitiam alimentar, com relativa segurança,  toda população, propiciando a superação, através da ética, dos atavismos irracionais do instinto de sobrevivência. Aprofunde este enfoque clicando aqui ÿ ou no link sobre Ética, no quadro dos tipos de sabedorias ao final do texto. Sócrates, como o Cristo, nada escreveu, ou, pelo menos, nenhum escrito foi encontrado.  Os pontos de maior relevo conformam os princípios do Cristianismo. Conheça melhor a obra de Sócrates e Platão, os precursores da ética e da doutrina de fraternidade Cristã e Espírita clicando aqui ÿ.

O Terceiro Milênio amplia a percepção dos princípios opostos tendentes ao equilíbrio... Conheça-os clicando aqui ó

O saber místico até então sem serventia aos “materialistas” e o conhecimento científico e de nenhum valor para os “espirituais” se reencontram aprofunde clicando aqui ó Aliás? O que é crença? clique aqui ó

Professores e alunos? Em quaisquer disciplinas ou interesses,  no direito, desporto, artes marciais, somos todos mestres e discípulos uns dos outros (clique aqui ó).

Desperte a consciência para nova concepção de cosmos e sua importância colaborando na constante evolução do Universo conhecendo as 7 Leis Espirituais do Sucesso clique aqui ó

 Um dos mais populares provérbios ensina: “Pay attention to your enemies for they are the first to discover your mistakes.”  Traduzindo livremente:  Preste atenção aos seus inimigos, pois serão os primeiros a descobrir os seus erros.   Significa que os inimigos podem se transformar no melhor amigo indicando o que devemos fazer para EVOLUIR.  Dualidade do Universo:  Tudo que nos cerca, todos e nós mesmos...   Clique aqui ó

A Bíblia foi alterada após o Século V suprimindo as referências à crença reencarnacionista – veja os motivos políticos e interesses financeiros nessa mudança clicando aqui ó

Na concepção difundida por Descartes,  o "Especialista" era quem sabia cada vez mais...

        Sobre cada vez menos...

Cada vez mais...

        Sobre cada vez menos

Até saber o tudo sobre o nada, conforme picardia de Millor Fernandes

O “especialista” aprendia cada vez mais sobre uma pequena parcela do conhecimento até saber quase tudo sobre o quase nada. A pretensão decartiana observava tudo como um mecanismo de um relógio que pode ser "decomposto" em muitas partes, permitindo conhecer o funcionamento do todo a partir de cada pedaço. Esse raciocínio é válido quando as peças estão interligadas por conexões simples. Pela analogia com o mecanismo do relógio,  essa visão ficou conhecida como "mecanicista".

Foi um estágio do conhecimento pelo qual passamos embora alguns ainda não perceberam.

Saiba mais sobre o processo de conhecimento e como aperfeiçoá-lo usando os atalhos para os caminhos da sabedoria, abaixo.

No limiar do Terceiro Milênio desenvolveu-se uma proposta que se denominou Holista.    "Hol",  do grego hólos, hóle, hólon, expressa 'inteiro', 'completo".   Os dicionários definem como “tendência supostamente própria do Universo de sintetizar unidades em totalidades organizadas.”

Contrapostas as visões holista e mecanicista equilibramos ambas (princípio da dualidade) alcançando harmonia em adequada compreensão do Universo e da vida. O mundo, como realidade não de partes mas integrada. Nada é isolado. Tudo, todas coisas, todas pessoas, todos acontecimentos, estão relacionados.    When all is one and one is all.

Acelere o conhecimento:        Aprenda mais rápido e melhor

Os Agnósticos cultivam a humildade. A palavra significa “sem conhecimento”. O Universo é repleto de fenômenos além da nossa compreensão, simples humanos. Nossas percepções provêm dos cinco sentidos e do raciocínio para as interpretar. Os sentidos são extremamente limitados. Compare com animais “inferiores”: Visão, audição, olfato, tato e paladar humanos são limitadíssimos. E percebeu como a mente teima em não lembrar de coisas importantes ? Ou como é difícil armazenar informações que vamos necessitar ? O que chamamos de raciocínio não passa de um software sofrível, rodado num hardware – nossa mente - mais deficiente ainda.  Como podemos pretender conhecer o todo universal ? Não compreendemos mais que ínfima parte. Shakespeare, profundo entendedor da alma humana, afirmou “haver mais mistérios entre o céu e a terra do que imagina a nossa vã filosofia”. Estava certo.

Na falta de um poder de compreensão adequado,  instrumento valioso é tempo. O “teste do passar tempo” desacredita crenças, costumes, modismos e convicções falsas. E faz renascer as verdadeiras. Certo e verdadeiro consegue resistir com o passar dos anos, séculos ou milênios. A instituição família é certa e verdadeira. Existe desde o início das civilizações. A crença num ente superior também o é. Permeou todas as sociedades, desde o início dos tempos.

Falar em Cristo suscita controvérsias mas nem o maior dos céticos duvida que algo muito extraordinário ocorreu na antiga Galiléia mudando o curso da história ocidental, sem uso da força militar ou do poder econômico.  Embora o Cristianismo esteja impregnado de valores tomados de empréstimo das anteriores religiões orientais, em especial do Zoroastrismo persa, suas verdades são fortes porque resistiram e se multiplicaram em dois milênios. Aliás, grande parte (senão todo) conhecimento da civilização humana tem sua fonte na primeira comunidade a desenvolver a agricultura e, com alimentos abundantes, dispor de tempo e cada vez mais recursos para descobrir e desenvolver tecnologias e fomentar o saber.

Retorne ao índice da Sabedoria Mística clique aqui ó

Casa de João Pedro e a moderna visão dos chacras & corpos, clique aqui

Grupo Espiritualista Casa de João Pedro clique aquiÿ

Chacras è visão projecionista (voadores) e lições de Wagner Borges clique aqui ó

Casa de João Pedro Horários de passe e orientações clique aqui ó

Para saber mais sobre passes e atendimentos clique aqui ó

Perguntas mais freqüentes sobre passe clique aqui ó

Saber mais sobre Apometria clique aqui ÿ

Sócrates e Platão precursores da doutrina Crista + Espírita clique aqui þ

Receba aviso das atualizações clicando aqui ó

Ou envie 1 e-mail para: assinar-misticismo.ciencia@grupos.com.br

Conheça nossas páginas, e os variados enfoques da Sabedoria:

è Sabedoria aplicada à elaboração das decisões judiciais clique aqui &

è Sabedoria no Princípio Universal da Evolução clique aqui ó

è Sabedoria na  Ética à clique aqui F J

è Sabedoria na fusão do espiritual + material clique aqui ÿ

è Sabedoria em sermos Mestres e Discípulos uns dos outros clique aqui ó

è Sabedoria no reencontro do Místico e Ciência clique aqui ÿ

è Sabedoria no caminho da perfeição na simplicidade Shibumi  clique aqui ÿ   

è Sabedoria na evolução cultural clique aqui þ

è Sabedoria de Confúcio clique aqui ÿ

è Sabedoria no uso da Linguagem, instrumento do Jurista clique aqui ó

è Sabedoria no Princípio da Dualidade os opostos complementares clique aqui  

è Sabedoria espiritual conjugando todas lições: Chinesas, gregas, etc.clique aqui ü

* * *

Ligações entre místico e desportivo clique aqui ó

Filosofia e prática das Artes Marciais clique aqui C

História do Futebol e Idolatria no desporto clique aqui ó

Novo ramo o Direito Desportivo clique aqui ó

Meditar e perguntar clique aqui ó  Aprenda mais e melhor clique aqui ó

Viver mais e melhor com saúde e bom humor clique aqui ƒ

Histórica Faculdade de Direito da UFRGS e sua importância clique aqui ó

Orientação aos alunos + Programa das Disciplinas clique aqui ó

* * *

Centenas de Teses Jurídicas novidades toda semana clique aqui 4

És nosso visitante nº Contador *Aperfeiçoando para construir 1 Mundo Melhor este saite está em permanente construção no domínio próprio desde 14 de dezembro de 2003 quando nossas páginas somavam 136.706.382 visitas.   Impressionante?  No primeiro semestre de 2005 nossos Grupos Temáticos ultrapassavam 50 BILHõES de visitas! Conheça-os clicando aqui ó

Apresentação e com tato com o Professor Padilla clique aqui J